Investimentos em momentos de crise: o que você precisa fazer (agora) para ficar tranquilo?



Será que esse é o tempo certo para fazer investimentos? Mesmo sem saber quando a pandemia estará controlada, é aconselhável aplicar dinheiro?


Muitas pessoas estão em dúvida sobre o que fazer em relação à vida financeira, pois a situação econômica mundial está completamente abalada.


No entanto, mesmo em meio às dificuldades é importante pensar em formas alternativas de poupar dinheiro, se preparando para um futuro ainda incerto.


É importante ter disciplina e buscar formas seguras para construir uma reserva de emergência, mas isso não significa que seu dinheiro tenha que ficar parado.


>> Se você quer saber mais sobre esse assunto e conhecer os melhores investimentos, fique conosco na leitura deste post. <<



Investimentos: qual o melhor opção para iniciantes?


Se você está buscando alternativas para melhorar sua vida financeira, saiba que investir seu dinheiro é uma excelente opção.


Mesmo que estejamos em meio a uma pandemia e com grandes incertezas econômicas, o melhor a fazer é economizar e investir.


Diferente da poupança, você terá um retorno maior, pois a taxa de juros é superior, o que fará com que seu dinheiro renda muito mais.


No entanto, é preciso aprender um pouco sobre o assunto e também contar com as orientações do seu gerente de conta.


Além disso, é preciso escolher uma instituição financeira comprometida com o futuro do cliente/cooperado e não apenas em receber o dinheiro das aplicações.



Veja abaixo quais as melhores opções de investimentos em 2021:


  • CDB: investimento de melhor rendimento que a poupança, com liquidez diária, ou seja, você poderá usar o dinheiro quando quiser.


  • Tesouro Selic: é uma excelente opção para quem quer investir dinheiro e ao mesmo tempo formar uma reserva de emergência, pois também oferece liquidez diária.


  • Fundos DI: possui maior rendimento que o Tesouro Selic e também maior liquidez. É seguro e bastante rentável.


  • Fundos da Renda Fixa: ideal para quem deseja começar a investir com pouco dinheiro e ainda assim lucrar com as taxas mais atrativas.


  • Recibo de Depósito Cooperativo: é uma forma de investimento em renda fixa, que consiste no empréstimo de dinheiro para uma cooperativa. Essa por sua vez devolve o valor acrescido de juros. É um investimento seguro e com liquidez diária, restrito apenas aos cooperados.


  • Capital Social: trata-se de um investimento pois no momento em que você se torna um cooperado do Sicoob, deposita uma quantia em sua Conta Capital, uma conta individual aberta no seu nome. Quanto mais cotas-partes você adquirir, mais participa dos resultados no final do ano e o valor fica rendendo.



Investimentos: educação financeira é o melhor caminho



No texto acima, foi mostrado as melhores opções de investimento para quem tem pouco dinheiro e ainda assim quer investir.


No entanto, não basta apenas começar a investir, é preciso conhecer alguns princípios básicos da boa educação financeira.


Pois, essa é uma forma de mudar a maneira como você lida com o dinheiro e ainda se tornar uma pessoa disciplinada com seus compromissos financeiros.


Por isso, vamos apresentar agora algumas preocupações que devem vir antes de começar a carreira de investidor.



1. Quite dívidas pendentes



O primeiro princípio para quem está pensando em investir, é pagar todas as suas dívidas.


É inconcebível começar com os investimentos, quando há dívidas pendentes. Portanto, faça um levantamento de tudo o que você deve e pague.


Mesmo que seja parcelado. Converse com os credores e negocie descontos.


Além disso, elabore um planejamento financeiro para que você não volte a se endividar. Seja rigoroso com o pagamento de suas contas.


Essa é uma forma de se preparar para ser um investidor de sucesso. Lembre-se que, essa prática será constante.


Mensalmente você terá que investir seu dinheiro, ou seja, é um compromisso que você está assumindo.


Portanto, se você quer mesmo obter retorno financeiro é indispensável ser uma pessoa disciplinada com seus investimentos.



2. Crie uma reserva de emergência



Ninguém sabe o dia ou a hora que virá o desemprego, um acidente, uma doença grave ou qualquer outra necessidade.


Portanto, é importante se preocupar em guardar dinheiro agora para enfrentar as situações complicadas.


Os investimentos com liquidez diária são uma forma de criar esse fundo, com a grande vantagem de seu dinheiro não ficar parado.


À medida que vai construindo sua reserva, você será beneficiado pelo aumento do valor investido e pode retirá-lo quando quiser.


Mas lembre-se de que é uma reserva de emergência para situações graves. Nada de retirar o dinheiro investido para pagar contas ou fazer compras desnecessárias.



3. Escolha uma instituição financeira confi